Ipasgo estabelece rede hospitalar para usuários com suspeita de coronavírus

Plano de assistência têm três unidades hospitalares de referência para casos de Covid-19 e pacote de serviços especiais na rede credenciada

Sede do Ipasgo | Foto: Reprodução

O Instituto de Assistência dos Servidores do Estado de Goiás (Ipasgo) estabeleceu uma rede hospitalar com 94 novos leitos exclusivos para internação de pacientes com coronavírus. Em Goiânia, três hospitais firmaram parceria com o plano de assistência e se tornaram os pontos de referência para internações de adultos e crianças.

Para adultos, as opções são o Hospital Garavelo, que tem 56 leitos de UTIs e apartamentos, e o Hospital Órion, 20 apartamentos e 8 UTIs. O público infantil terá atenção especial no Hospital Goiânia Leste, onde estão disponíveis 10 leitos para internações pediátricas.

Os encaminhamentos para as internações são realizados via regulação, após atendimento em qualquer unidade hospitalar da rede credenciada ao Ipasgo. Os usuários do plano têm acesso a prontos-atendimentos em todos hospitais credenciados à rede.

Serviços especiais

Além das três unidades hospitalares exclusiva, que ampliaram a capacidade de internação neste momento de combate à pandemia de coronavírus, o Ipasgo também fechou acordo com sua rede de hospitais credenciados para agilizar a prestação de atendimentos aos casos de síndrome respiratória aguda.

Após negociar termos com a Associação dos Hospitais Privados de Alta Complexidade do Estado de Goiás (Ahpaceg), o plano está oferecendo um pacote especial para a assistência aos seus usuários. Nos hospitais da rede credenciada, os pacientes contaminados pela Covid-19 ou com síndrome respiratória terão atendimento hospitalar do pronto-socorro, isolamento e internações em apartamentos ou unidades de terapia intensiva, com cobertura de exames de imagem e laboratoriais específicos.

Atualmente, o Ipasgo é o maior sistema de assistência à saúde de Goiás, com uma carteira de beneficiários composta por mais de 625 mil vidas. Para o presidente da Ahpaceg, Haikal Helou, esse acordo para o atendimento hospitalar aos usuários em hospitais associados e credenciados deixa claro o esforço feito pelo presidente do instituto, Silvio Fernandes, para garantir a qualidade e agilidade do atendimento a seus milhares de beneficiários.

O presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes, diz que a prioridade neste momento é garantir que os usuários que, por ventura tenham a contaminação pelo coronavírus, recebam o atendimento adequado. Segundo ele, o instituto tem comitê especial de gestão contra o coronavírus, que, diariamente, analisa relatórios e protocolos oficiais sobre o avanço da doença no Estado para articulação e implantação de medidas preventivas e prestação de serviços aos seus usuários em toda sua rede credenciada.

“É importante que todos tenham clareza de que o Estado de Goiás e o Brasil estão enfrentando o coronavírus, uma pandemia sem precedentes na história da humanidade neste século. Aqui no Ipasgo estamos seguindo as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), do Ministério da Saúde e do Governo de Goiás. Sob a orientação do nosso governador Ronaldo Caiado, o plano tem buscado as melhores soluções, acordos e parcerias para atender às demandas neste período tão crucial para a saúde do povo goiano,” afirma Fernandes.

Exames

O Ipasgo tem em seu rol de serviços a cobertura dos testes de diagnóstico de Covid-19. Os atendimentos são prestados em todas as regiões do Estado pelos laboratórios credenciados na rede, que prestam este tipo de atendimento.

Há também a oferta de atendimento domiciliar aos usuários do Ipasgo, que será realizado para os casos suspeitos que tenham pedido médico. Os horários e dias de coleta serão definidos pelos laboratórios

Uma resposta para “Ipasgo estabelece rede hospitalar para usuários com suspeita de coronavírus”

  1. Avatar Rosy disse:

    Qual laboratorio? Telefone?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.