Servidor de prefeitura é investigado por usar carro oficial para traficar drogas

Homem de Anápolis foi preso, porém o Judiciário permitiu que ele e um cúmplice respondessem processo em liberdade

Um servidor da Prefeitura de Anápolis, de 41 anos, foi flagrado pela Polícia Militar com dois tabletes de cocaína. Ele que não teve o nome divulgado estaria usando o carro da Vigilância Sanitária para traficar drogas. Ao tomar conhecimento, o órgão municipal abriu processo administrativo disciplinar para investigar o caso e remanejou o profissional para outras atividades.

A conduta inadequada do agente de combate de endemias já havia sido publicado no Diário Oficial, trazendo apenas as iniciais do homem. No último dia 11 de dezembro, o servidor foi detido, depois que policiais receberam denuncia de que uma negociação de drogas estaria ocorrendo nas proximidades do Anashopping, na Avenida Universitária.

Ao chegar no local, os militares viram dois carros, sendo que um deles levava o adesivo da Vigilância Sanitária da cidade, momento em que flagraram um homem passando uma sacola preta para outro. Ambos fugiram ao notar a presença dos policiais.

Em um dos veículos, a Companhia de Policiamento Especializado (CPE) encontrou um casal com duas peças de cocaína. O homem confessou que teria jogado mais drogas em uma mata às margens da BR-060. O Grupo de Rádio Patrulhamento Aéreo (Graer), que também participou da intervenção, utilizando helicóptero conseguiu avistar o servidor público num Gol que seria do município, com outros dois tabletes do mesmo entorpecente.

Eles, então, foram autuados por tráfico de drogas, e ao passarem por audiência de custódia, o judiciário converteu as prisões para preventiva. Contudo, a decisão judicial foi revogada para que os suspeitos respondessem em liberdade.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.