Indicação de Sérgio Cardoso para conselho do TCM é aprovada na CCJ

Indicado pelo atual governador José Eliton é coordenador do carro-chefe  do Programa Goiás na Frente

Sérgio Cardoso, Francisco de Oliveira (PSDB) e Álvaro Guimarães (DEM) na CCJ | Foto: Ruber Couto

Em reunião extraordinária convocada para esta tarde de quinta-feira (12) o nome de Sérgio Antônio Cardoso de Queiroz foi aprovado, pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), ao Conselho do Tribunal de Contas dos Municípios.

Caso a matéria seja aprovada também em Plenário, o indicado deverá ocupar vaga de Sebastião Monteiro Guimarâes Filho, que aposentou no dia 4 de abril.

O relatório aprovado, apresentado pelo deputado Jean Carlo (PSDB) e reiterado pelo líder do Governo, Francisco Oliveira (PSDB), afirmou em seu parecer que Sérgio Cardoso atende a todos os requisitos previstos na Constituição de Goiás, sobretudo notório conhecimento na área de atuação e reputação ilibada.

Ao discutir a matéria, o deputado Cláudio Meirelles (sem partido) advogou em favor da indicação, dizendo que não há pessoa mais dedicada e mais conhecedora de Goiás. “Ninguém naquela Corte vai atender tão bem os prefeitos e seus municípios”, declarou.

Também favorável à indicação, Gustavo Sebba (PSDB) corroborou com a importância de Sérgio Cardoso compor o Conselho do TCM, destacando sua competência, liderança e poder de articulação. “Não temos hoje nome de maior envergadura” finalizou.

O nome de Sérgio Cardoso causou descontentamento entre alguns deputados da oposição pelo fato do indicado ser ex-secretário extraordinário de Articulação Política do governo Marconi Perillo e também cunhado do ex-governador.

Durante a discussão da matéria, o deputado José Nelto (Podemos) apresentou voto em separado pedindo que o projeto de lei entrasse em diligência. O pedido, no entanto, foi rejeitado pelo líder do Governo.

Sérgio Cardoso que acompanhava a votação pelo Salão Nobre da Assembleia Legislativa afirmou ao Jornal Opção que não vê polêmica no assunto já que seu nome foi indicado pelo atual governador José Eliton e aprovado pela maioria dos deputados.

“Querem levantar polêmica pelo fato de eu ser cunhado do Marconi Perillo como se isso fosse pecado. Eu não vejo nenhum pecado nisso, pelo contrário, vejo qualidades porque eu admiro e continou admirando Marconi”.

Currículo

Sérgio Cardoso é indicado ao cargo pelo Governo do Estado, com base em seu extenso currículo na vida pública. Bacharel em Direito, ele já foi vereador no município de Guapó, gerente da Agência do Banco do Estado de Goiás, assessor especial do ex-governador Henrique Santillo, secretário Extraordinário do prefeito de Goiânia Nion Albernaz, secretário parlamentar do ex-governador Alcides Rodrigues, assessor Especial da presidência da Assembleia Legislativa e secretário de Articulação Política e assessor especial do ex-governador Marconi Perillo.

Nos últimos sete anos Sérgio Cardoso atuou monitorando e fiscalizando obras do Estado, bem como convênios celebrados com municípios, e até o momento é coordenador do carro-chefe da atual Administração, Programa Goiás na Frente.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.