Implantação de ponto biométrico para vereadores é aprovado na Comissão Mista

Matéria pode sr apreciada em primeira votação no plenário nesta quarta-feira, 20

O projeto que prevê a implantação do ponto biométrico para vereadores foi votado nesta terça-feira, 19, pela Comissão Mista da Câmara de Goiânia. A iniciativa é do vereador Paulo Magalhães (PSD), e altera o regimento interno da Casa, determinado o registro de presença no Plenário. Com a biometria, o horário de entrada será registrado às 9h, com tolerância de 15 minutos, às 11h, e ao final das sessões.

A proposta prevê ainda, que os parlamentares que não registrarem seu ponto nesses três momentos, tenham desconto proporcional no salário, salvo os casos de doença, luto em família, gala, licença gestante ou paternidade e desempenho de missões oficiais da Câmara.

A relatoria do projeto ficou a cargo do vereador Wellington Peixoto (MDB), e recebeu parecer favorável. A proposta tem apoio também, do presidente da Câmara dos vereadores, Romário Policarpo (PROS). Após a Comissão Mista, a previsão é que o projeto passe por duas votações em plenário.

A matéria foi aprovada por unanimidade na Mista, com 14 votos favoráveis. Três vereadores não estavam presentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.