“Ilhados”, moradores da Vila Romana ameaçam interditar BR-153 na próxima semana

Descumprimento de prazo por parte da Triunfo Concebra é motivo da revolta dos moradores. Eles pedem um novo acesso de saída do bairro para a BR-153

Moradores da Vila Romana protestando em fevereiro deste ano na BR-153

Rafaela Bernardes

Os moradores da Vila Romana, em Goiânia, vivem, desde o início de 2016, um dilema com a concessionária que administra a BR-153, Triunfo Concebra. É que, em janeiro deste ano, a saída do bairro que dava acesso à rodovia federal foi fechada pela concessionária sob a justificativa de que o trecho era um dos mais violentos, em números de acidentes, do perímetro urbano da BR-153 na capital.

Inconformados com o fechamento do acesso, os moradores chegaram a bloquear a rodovia federal queimando pneus no meio da via. “Não fomos avisados da decisão de fechar nosso acesso para a BR-153. Quando vimos já estávamos ilhados. Só depois que fizemos a manifestação é que a Polícia Rodoviária Federal e a Triunfo marcaram uma reunião com a população”, afirmou, ao Jornal Opção, a representante dos moradores da Vila Romana, Keyla Soares.

Em uma segunda reunião, ocorrida no dia 10 de março, a concessionária apresentou uma proposta de implantação de uma nova saída do bairro para a BR-153 aos moradores. O projeto, que foi aprovado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), pela PRF e pelos representantes do bairro, previa em seu cronograma o início das obras na última segunda-feira (26/6).

Acesso da BR-153 para Vila Romana foi fechado em janeiro deste ano

Mas o dilema dos moradores da Vila Romana ainda não chegou ao fim. No dia em que as obras deveriam ser iniciadas, a Triunfo Concebra enviou um comunicado a representante dos moradores dizendo que a empresa contratada para realizar a obra desistiu do trabalho na última hora.

“Fui avisada ontem do atraso dessa obra devido a desistência da empresa. Nos prometeram resolver esse impasse e começar a obra na próxima segunda (3). Caso o trabalho não comece nesse prazo vamos fazer uma nova manifestação, vamos bloquear a BR-153 mais uma vez. Queremos nosso problema resolvido, estamos na expectativa da abertura do acesso da rodovia para o nosso bairro”, disse Keyla.

O Jornal Opção teve acesso ao documento enviado pela Triunfo à representante dos moradores. Nele, a concessionária diz que “a desistência da empresa causou um grande transtorno na Triunfo Concebra e que por isso já entramos em contato com o segundo colocado na tomada de preços para assumir a obra”.

Apoio

O vereador Anderson Sales (PSDC) usou a tribuna da Câmara Municipal de Goiânia, na manhã desta terça (27), para cobrar da Triunfo Concebra uma solução para o problema dos moradores da Vila Romana.

“Abracei a causa desses moradores porque eles pagam impostos e estão sendo penalizados com essa situação. Estou trabalhando junto a concessionária e junto aos moradores para evitar que a rodovia seja interditada mais uma vez e para que o pedido da população seja atendido”, disse o parlamentar.

Anderson Sales explicou ainda que, em uma de suas reuniões com a concessionária responsável pela via, a Triunfo teria alegado que estaria levando prejuízo com a obra de construção de um novo acesso para o bairro da Vila Romana.

“O grande problema que vejo é que Triunfo está fugindo do compromisso. Eles alegam que estão tomando prejuízo com essa obra, só que eles firmaram um contrato e agora terão que cumprir”, cobrou o vereador.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.