Idosos que transportavam 1,2 mil kg de peixe são multados

Segundo PRF, grupo saiu de Minas Gerais e iria para o Mato Grosso pescar por dez dias. Ibama aplicou pena de R$ 60 mil reais por crime ambiental

Pescado foi apreendido na BR-060, em Rio Verde | Divulgação/PRF

Pescado foi apreendido na BR-060, em Rio Verde | Divulgação/PRF

Mais de uma tonelada de pescado foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-060, em Rio Verde, Região Sudoeste do Estado, na tarde de terça-feira (27). O material estava sendo transportado em um ônibus saído de Uberlândia (MG) .

O flagrante foi feito durante uma fiscalização de rotina, quando os policiais abordaram o veículo e constataram irregularidades. Ao checar a documentação, os agentes descobriram que o grupo de 24 pessoas, sendo 20 deles idosos, com idades entre 60 e 89 anos, tinha como destino um rio próximo a Cuiabá (MT), onde passariam dez dias pescando.

Ao verificar o bagageiro do coletivo, foram encontrados 1.200 quilos de pescado, acondicionados em vários freezeres e caixas de isopor. Segundo a PRF, eles realizam essa viagem há cerca de cinco anos como forma de lazer, e não sabiam que estavam cometendo crime ambiental.

O grupo foi encaminhado à Central de Flagrantes, em Rio Verde. Um idoso, 69 anos, responsável pela viagem assumiu a responsabilidade pela ação. Ele foi detido e terá que pagar fiança de um salário mínimo para ser liberado.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama) aplicou multa de R$ 60 mil reais por crime ambiental, em função de pesca predatória. Também foi executada outra multa, de R$ 10 mil, mas pela PRF devido as irregularidades presentes no ônibus.

A carga apreendida está sendo doada para cinco instituições de caridade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.