Idosas denunciam vendedor de artigos religiosos por abuso sexual em Goianésia

Homem entrava na casa das vítimas para realizar vendas e acabava abusando sexualmente delas

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goianésia, efetuou a prisão de um homem de 55 anos de idade, investigado por abusar sexualmente de idosas. Uma das vítimas, uma mulher de 79 anos, procurou a Delegacia da Mulher e contou que o homem que tinha o hábito de ir até a casa dela para lhe vender artigos religiosos, teria se masturbado na sua frente e a forçado a tocar em sua região genital. Outra idosa de 73 anos afirmou que o mesmo homem ligava para ela e lhe dizia frases pornográficas sem o seu consentimento. Essas vítimas contaram ainda que o vendedor também teria praticado os mesmos crimes com outras mulheres de suas vizinhanças, mas que elas não denunciaram por medo e vergonha. O homem está na Unidade Prisional de Goianésia e deverá responder pelo crime de estupro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.