Hospital Regional de Luziânia inaugura mais 10 leitos de UTI e inicia atendimento no ambulatório geral

Município faz parte da região Entorno Sul, classificada como em ‘estado de calamidade’. Dos 10 novos leitos, seis já foram ocupados no primeiro dia de abertura

Hospital Regional de Luziânia | Foto: Divulgação

O Hospital Regional de Luziânia em parceria com o governo do Estado de Goiás abriram mais 10 vagas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 12 de enfermaria para o atendimento exclusivo de pacientes diagnosticados com a Covid-19.

O município faz parte da região Entorno Sul, juntamente com Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Cristalina, Novo Gama, Santo Antonio do Descoberto e Valparaíso de Goiás, classificada em ‘estado de calamidade”.

Com a expansão, a unidade possui agora 30 leitos de UTI e 42 de enfermaria. Dos 10 novos leitos, seis já foram ocupados no primeiro dia de abertura.

O Governo de Goiás está acompanhando diariamente e mapeando diariamente a evolução da doença no Estado e a demanda por internações. “Em poucos dias o hospital foi readequado para atender as demandas e não deixar nenhum cidadão sem atendimento. É importante lembrar a todos que precisamos continuar respeitando as normas de distanciamento social e o uso de máscara.  A pandemia ainda não acabou”, alerta Getro de Oliveira Pádua, diretor do IMED.

Atendimentos de especialidades

Além dos novos leitos para a ala-Covid-19, o Hospital Regional de Luziânia iniciou o trabalho no ambulatório geral para expandir o acolhimento oferecido à população. Inicialmente, são três consultórios, uma sala de triagem e uma sala para procedimentos para pequenas cirurgias disponíveis para os atendimentos com agendamento prévio, que estão sendo feitos pela Superintendência do Complexo Regulador em Saúde de Goiás (SISREG).

Neste primeiro momento, o hospital irá oferecer consultas com cardiologistas, realizar pequenos procedimentos, tais como retirada de cisto sebáceo, cantoplastia e drenagem de abcesso, além de realizar exames laboratoriais, raio-X, tomografia, ultrassonografia e eletrocardiograma. Os atendimentos serão realizados de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

Os serviços vão atender pessoas de 31 municípios da região do entorno do Distrito Federal. Além de ser referência no tratamento de pacientes com Covid-19, o Hospital Regional de Luziânia também abre as suas portas para acolher pessoas com outras enfermidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.