Homem tem olhos e maxilar arrancados por presos do Semiaberto

Detentos são apontados como autores de homicídio brutal

A Polícia Civil de Goiás informou que identificou cinco suspeitos de crime bárbaro ocorrido na madrugada desta terça-feira (7/8), em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana de Goiânia.

Thiago Ferreira Pires teria sido morto pelo grupo às margens de uma avenida, sendo golpeado várias vezes com uma arma branca, tendo seus olhos e maxilar arrancados, além de uma das mãos decepadas.

Jociel Lourenço Santana filho, Danilo Lopes Almeida, Dirceu Nunes Rodrigues, João Paulo Viana Santos e Valteir Rodrigues Canedo cumprem pena no regime semiaberto e cometeram o crime assim que deixaram a unidade prisional por volta das 5 horas da manhã.

O quinteto foi preso em flagrante e conduzido até unidade policial para a lavratura de procedimento.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.