Homem que guardava armamento para membros do Comando Vermelho é preso

Ele também entregava armas para que fossem praticados homicídios pela facção

Segundo informações da Polícia Civil do Estado de Goiás, nesta quinta-feira, 11, foi preso Aloisio José da Silva, que guardava armamento para dois membros do Comando Vermelho, presos no Centro de Prisão Provisória (CPP).

Os membros são Bruno Rodrigues Ferreira da Silva e Maiko Jorge Rodrigues Machado. A função de Aloísio, além de guardar as armas, era entregá-las para que fossem praticados homicídios.

As armas podem ter sido usadas em dezenas de assassinatos perpetrados a mando da facção criminosa. Uma das vítimas foi um jovem chamado Gabriel, de 20 anos, que foi morto por Bruno e um menor de idade.

Com o preso foram apreendidos R$ 19 mil em espécie e: um fuzil .556; uma espingarda calibre .12; quatro pistolas Glock .9mm (kit rajada); três carregadores de Fuzil .556; cinco carregadores prolongados .9mm; cinco carregadores simples .9mm; dois extensores de coronha; 165 munições .556; 42 munições .9mm; diversas balaclavas.

Ele foi preso em flagrante delito. A PC, por meio da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), dará mais detalhes em breve.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.