Homem é preso após furtar animais para venda e atear fogo na casa em que morava com companheiro

Caso aconteceu em Goiânia e o suspeito foi preso em Jataí quando tentava fugir para o Mato Grosso

Foi preso na última segunda-feira, 3, em Jataí, no sudoeste goiano, um homem suspeito de incendiar a casa em que seu companheiro criava animais para venda. Os policiais civis da 15ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP), com a participação dos policiais civis das Delegacias Regionais de Rio Verde e Jataí autuaram em flagrante Ilson Douglas Romera, de 31 anos, pelos crimes de furto, incêndio, dano, ameaça injúria e maus tratos a animais.

O fato ocorreu em Goiânia, após desentendimento do suspeito com seu companheiro. Ilson teria ateado fogo na residência em que moravam, furtado os animais e danificado objetos pessoais da vítima.

Foto: Reprodução

Os animais eram criados na residência e vendidos de forma ilegal. De acordo com a polícia, o suspeito aproveitou-se do momento em que a vítima estava na casa da irmã para soltar os pássaros domésticos, matar os peixes ornamentais de propriedade do companheiro, e atear fogo na residência.

Os animais furtados foram recuperados pela Polícia Civil, que constatou maus tratos. Além disso, a polícia informou que o suspeito havia ameaçado a vítima de morte. Ilson foi detido dentro de um ônibus, no momento em que fugia para o Estado do Mato Grosso. Ele segue recolhido na carceragem da Central Geral de Flagrantes de Goiânia.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.