Hamas e Israel aceitam trégua humanitária de 12 horas

Desde o início da ofensiva de Israel contra Gaza, há 18 dias, quase 900 pessoas morreram, das quais 800 palestinos, a maioria civis, e de 73 israelenses, 34 deles soldados

O movimento islâmico Hamas, que controla a Faixa de Gaza, aceitou uma trégua humanitária de 12 horas, neste sábado (26), proposta pelos Estados Unidos, pelo Egito e pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A breve trégua, que começará às 7h, no horário local (1h pelo horário de Brasília), também foi aceita pelo governo de Israel, apesar de, horas antes do acordo, o gabinete do primeiro-ministro Benjamín Netanyahu ter rechaçado a possibilidade de um cessar-fogo definitivo.

Desde o início da ofensiva de Israel contra Gaza, há 18 dias, quase 900 pessoas morreram, das quais 800 palestinos, a maioria civis, e de 73 israelenses, 34 deles soldados.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.