Grupom: Vanderlan lidera com 27% dos votos; Maguito aparece em segundo com 16%

Adriana Accorsi (PT) completa o “pódio” dos candidatos, com 13% de votos estimados

Maguito Vilela e Vanderlan Cardoso

O Grupom publicou, através de uma live nesta sexta-feira, 9, uma pesquisa eleitoral realizada na capital goiana. Os índices indicam que o candidato Vanderlan Cardoso (PSD) lidera a pesquisa de votos estimados. Se as eleições fossem realizadas hoje, Vanderlan teria 27,6% dos votos.

Maguito Vilela (MDB) aparece em segundo nas intenções de voto, com 16,1%. Adriana Accorsi (PT) completa o “pódio” dos candidatos, com 13% de votos estimados.

Contudo, a pesquisa revela que 65,5% dos eleitores possuem um “segundo candidato”, ou seja, ainda podem mudar o seu voto. Apenas 17,7% se disseram firmes e decididos em quem votariam. 12,5% dos entrevistados não sabem ou não responderam e 10,3% votariam branco ou nulo.

Segundo Turno

Em um cenário de segundo turno entre Vanderlan Cardoso e Maguito Vilela, o candidato do PSD ganharia com 50,9% dos votos, enquanto o do MDB teria 31,8%. 12% responderam que votariam nulo ou em branco e 5,2% estavam indecisos ou não avaliaram.

Maguito Vilela não sairia vitorioso em outro cenário estipulado pela pesquisa. Em um cenário de segundo turno entre Adriana Accorsi e o candidato do MDB, a petista liderou as intenções com 41.1% dos votos. Vilela teve 38,8% de intenções de votos.

Rejeição

Maguito Vilela é o candidato que mais sofre com a rejeição da população da capital goiana. A pesquisa indica que 19,5 % dos entrevistados não votariam de jeito nenhum no candidato, que é seguido pelo Major Araújo (PSL, 13%) e por Adriana Accorsi (12,7%). 10,3% dos entrevistados disseram que não votariam em nenhum dos candidatos.

Entre os vereadores, temos um número enorme de pessoas que ainda não decidiram em quem vão votar. 77,3% dos entrevistados disseram não terem definido seu voto, enquanto apenas 21,3% tem um nome guardado em mente. 1,4% apontaram que votariam branco ou nulo.

Avaliação dos Governantes

A pesquisa ainda revelou a aprovação dos entrevistados quanto ao mandato do Prefeito Íris Rezende (MDB), do Governador Ronaldo Caiado (Democratas) e do Presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O prefeito de Goiânia possui uma avaliação positiva, com 59,9 % considerando sua gestão boa ou ótima. 13,4% apontaram como regular e 24,9% consideram sua gestão ruim ou péssima.

Ronaldo Caiado também possui prestígio com os goianienses. 56,2 % consideram sua gestão boa ou ótima. 14% disseram ser um governo regular, enquanto 26,9% apontam para sua gestão como ruim ou péssima. A sua atuação no combate à pandemia de Covid-19 também foi avaliada. Considerando notas de 0 (pior cenário) a 10 (melhor cenário), o governador ficou com uma média de 6,66 entre os entrevistados.

O presidente Jair Bolsonaro também foi avaliado pela pesquisa. 52,8% consideram sua gestão boa ou ótima, 38,8% acham o seu mandato péssimo ou ruim e 7,4% avaliaram como regular. No combate ao coronavírus, seguindo os mesmos critérios do governador, Bolsonaro ficou com uma média mais baixa, 5,27%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.