Grupo que construiu estádio Mané Garrincha entra com recuperação judicial

Em nota, empresa afirmou que intuito é “preservar a condição operacional da Companhia e readequar o passivo”

Formado pela Via Engenharia S.A e pela Via Empreendimentos Imobiliários, o Grupo Via entrou com pedido de recuperação judicial na última quinta, 8, por conta da “grave crise econômica-financeira do país, que impactou quase todos os setores da economia, principalmente os de construção pesada civil e o mercado imobiliário”, informou em nota.

O pedido é um mecanismo legal, previsto na Lei 11.101/2005, que permite a reestruturação de empresas em crises econômico-financeiras. Conforme a legislação, o intuito é a renegociação de dívidas para que a empresa possa se recuperar.

Também por meio de nota, a direção afirmou que pretende “preservar a condição operacional da Companhia e readequar o passivo, de forma a sustentar um fluxo financeiro que garanta a capacidade de pagamento dos compromissos firmados, mantendo a continuidade de suas atividades e os empregos gerados nas regiões onde atua”. Este recurso legislativo, inclusive, seria “imprescindível” para honrar compromissos com fornecedores, funcionários, parceiros e credores, conforme a instituição.

Grupo Via

O Grupo Via é conhecido pela construção do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, o Novo Centro Administrativo do GDF, o Green Towers Brasília e a Ponte JK, na capital federal. Além disso, a empresa, fundada em 1980, possui oito mil funcionários e mais de 50 mil imóveis entregues.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.