Grupo é investigado por comercialização de bebidas sem nota fiscal em Goiânia

Um foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo

Foto: Divulgação

Um homem foi preso por posse ilegal de arma de fogo após operação da Polícia Civil, realizada na manhã desta quinta-feira, 17, em Goiânia. Com apoio da Secretaria de Estado da Economia, a operação investiga um grupo do ramo de distribuidora de bebidas, na capital.

A prisão ocorreu durante mandados de busca e apreensão.

De acordo com a Polícia Civil, grupo investigado vinha comercializando grande quantidade de bebidas sem emissão de notas fiscais e utilizando depósito clandestino fora de registro nos órgãos competentes, sonegando vultosos valores de ICMS.

Auditores fiscais da Secretaria da Economia participaram das diligências e apreenderam dados dos sistemas de informática. Os dados propiciarão auditoria completa para estabelecer o montante a titulo de tributos devidos.

Os investigados responderão por crime tributário e posse ilegal de arma de fogo, além de terem de arcar com o pagamento dos tributos sonegados acrescidos de multa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.