Governo suspende venda de plano de saúde do DF e de Goiás

Medida começa a valer a partir desta sexta-feira (9/12) e oito planos da SaúdeSim, que atende no DF e sete cidades goianas, estão com comercialização suspensa

A Agência Nacional de Saúde (ANS) suspende, a partir desta sexta-feira (9/12), a comercialização de 69 planos de saúde de 11 operadoras. Uma das operadoras suspensas pelo órgão é a SaúdeSim, que atende beneficiários em Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Luziânia, Formosa, Valparaíso e Cidade Ocidental, além do Distrito Federal. Confira a lista.

A medida é parte do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento. A suspensão dos planos é preventiva e perdura até a divulgação do próximo ciclo. Além de terem a comercialização suspensa, as operadoras que negaram indevidamente cobertura podem receber multa que varia de R$ 80 mil a R$ 250 mil. Os planos suspensos receberam grande volume de reclamações entre 1º de julho e 30 de setembro deste ano.

Na SaúdeSim, oito modalidades de planos de saúde — que contam com 28.491 beneficiários — tiveram a comercialização suspensa. Para quem já é cliente nesses planos, a assistência a que tem direito continua regularmente. Além disso, eles ficam protegidos, já que para voltar a comercializar esses planos, as operadoras terão que resolver os problemas assistenciais para receber novos usuários.

Jornal Opção entrou em contato com a operadora pelo canal disponível no site, porém não recebeu retorno até o fechamento da matéria.

Monitoramento

Pelo site da ANS, os beneficiários podem consultar o programa de monitoramento por operadora e conferir o histórico das empresas, além de verificar, em cada ciclo trimestral, se a empresa teve planos suspensos ou reativados.

Para dar mais transparência e possibilitar a comparação pelos consumidores, a ANS disponibiliza ainda um panorama geral com a situação de todas as operadoras, com a classificação das empresas nas quatro faixas existentes (que vão de 0 a 3). (Com informações da Agência Brasil)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.