Governo lança programa que garante renegociação de dívidas e acesso ao crédito para micro e pequenos empresários

Em paralelo, outro programa deve conectar ofertas de emprego e cursos profissionalizantes com quem busca vagas no mercado de trabalho

Foto: Felipe Cardoso / Jornal Opção

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria da Retomada, lançou, na manhã desta segunda-feira, 14, dois novos programas que buscam amortecer os impactos trazidos pela pandemia do coronavírus em Goiás: o Mais Empregos e Mais Crédito.

O primeiro buscará conectar os empresários que ofertam vagas aos trabalhadores que buscam novas oportunidades no mercado. Em paralelo, o programa também fará a conexão dos interessados a parceiros que oferecem cursos gratuitos de capacitação.

Já o segundo, será voltado aos micro e pequenos empreendedores que querem regularizar as dívidas para então conseguir acesso à linhas de financiamento.

O objetivo dos programas, segundo a governadoria, é promover as conexões necessárias para manter as contratações de mão de obra pelas micro e pequenas empresas goianas.

Segundo o governador Ronaldo Caiado (DEM), a retomada vem sendo trabalhada desde que o Estado ainda estruturava a saúde em Goiás. “É importante deixar claro que não estamos tratando, com esses programas, apenas do acesso ao crédito. Trata-se também de um assessoramento, uma orientação, para que as pessoas possam encontrar um equilíbrio em seus negócios”, disse.

O democrata também lembrou que a crise trazida pelo coronavírus afetou diretamente os 246 municípios e que o governo “precisa tratar dos goianos da maneira com que eles merecem”. “Estou disposto a continuar dialogando em busca de soluções”, garantiu o democrata.

Análise técnica

A parceira do Poder Público com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) também irá permitir que os empresários recebam uma consultoria de planejamento para que o crédito adquirido pelos micro e pequenos empresários seja aplicado de forma mais eficiente e responsável.

No que diz respeito a capacitação, o serviço também vai orientar os trabalhadores que buscam por qualificação. Ao todo, serão mais de 100 cursos gratuitos e on-line disponíveis no site do Sebrae, dentre eles: Gestão de bares e restaurantes, Como melhorar a gestão de sua loja virtual, Marketing digital, Planejamento estratégico do negócio, Formação de preço de venda entre outros.

“Estamos olhando para a fatura exposta dos micro e pequenos empreendedores do nosso Estado. Através dessa iniciativa estamos proporcionando aos pequenos direito de acesso àquilo que os grandes sempre tiveram”, disse o secretário da Retomada, César Moura.

Já o presidente da Fecomercio, Marcelo Baiocchi destacou que para o setor produtivo, a “retomada” é a palavra de ordem. “Discutir isso é o nosso caminho. O nosso trabalho gera emprego, que gera renda, que gera tributos o que, sem dúvidas, se transforma em um ciclo virtuoso para todos. (…) Discutimos tanto os problemas da Covid-19 e agora nos vemos discutindo a solução. Parabenizo a todos os envolvidos nesse projeto por entenderem que somos e sempre seremos parte da solução e nunca do problema”.

Por fim, o presidente da Faeg e deputado federal José Mário Schreiner chamou atenção para o papel do Estado. “O poder do Estado existe para cumprir missões e através da gestão do governador Ronaldo Caiado estamos vendo isso acontecer. Essa ação junto ao setor privado busca solucionar e resolver a questão do crédito que deve chegar a quem mais precisa. Com a concessão do crédito, o emprego também irá retomar e teremos então a economia reativada. Isso é papel de estado: equilibrar o jogo”, pontuou.

Dinâmica

Segundo a governadoria, todo o atendimento presencial para ambos os programas serão realizados na sede da Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg).

Os atendimentos presenciais terão início já no próximo dia 14 e se estenderão até o dia 25 de setembro. Eles ocorrerão das 9h às 12h e das 14h às 17h e deverão ser previamente agendados por telefone.

Apoio

O Programa Mais Empregos é realizado pela Secretaria da Retomada, em parceria com a Agência de Fomento de Goiás (GoiásFomento), a Secretaria de Indústria e Comércio (SIC), a Secretaria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi) e a Goiás Turismo.

A ação tem parceria da Acieg, da Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio-GO), Sebrae, Associação Pró-desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás (Adial), Instituto Euvaldo Lodi (IEL), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Serviço Social do Comércio (Sesc), Ordem dos Advogados do Brasil – seção Goiás (OAB-GO) e Sistema Nacional de Emprego (Sine).

Já o Programa Mais Crédito é promovido pela Retomada em conexão com a GoiásFomento, SIC, Sedi e Goiás Turismo. A iniciativa conta com a parceria da Acieg, Sicoob Lojicred, Banco do Brasil, Ministério Público, Fecomércio-GO, Adial, OAB-GO, FCDL, IEL, Senai, Sebrae, Senac, Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil – seção Goiás e Sine.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.