Governo federal lança campanha ‘O Brasil não pode parar’

Peça publicitária afirma que ‘no mundo todo, são raros os casos de vítimas fatais do coronavírus entre jovens e adultos’. Custo é de R$ 4,8 milhões contratado sem licitação

Foto: Reprodução

O governo federal lançou uma campanha publicitária chamada “O Brasil não pode parar” para defender a flexibilização do isolamento social. A estratégia é defender a importância da retomada das atividades para o próprio combate ao coronavírus e de outras doenças.

O senador Flávio Bolsonaro divulgou o vídeo institucional da campanha em suas redes sociais. “Para os pacientes das mais diversas doenças e os heroicos profissionais de saúde que deles cuidam, para os brasileiros contaminados pelo coronavírus, para todos que dependem de atendimento e da chegada de remédios e equipamentos, o Brasil não pode parar. Para quem defende a vida dos brasileiros e as condições para que todos vivam com qualidade, saúde e dignidade, o Brasil definitivamente não pode parar”, diz o narrador.

A campanha já recebeu um pontapé inicial na conta no Instagram do governo federal. Uma publicação com a hasgtag #OBrasilNãoPodeParar diz que são raros os casos de vítimas fatais do coronavírus entre jovens e adultos e que, por isso, somente idosos e integrantes de grupos de risco devem ficar em casa.

Segundo a Revista Época, a campanha vai custar R$ 4,8 milhões (R$ 4.897.855,00). Além disso, a contratação foi classificada com emergencial e, por esta razão, realizada sem licitação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.