Governo de Goiás resolve problema de integração rodoviária do Vale do São Patrício

Marconi e Zé Eliton entregaram construção de novo trecho da GO-480, nesta quinta (8)

Foto: Montavani Fernandes

Os três principais municípios do Vale do São Patrício – Ceres, Rialma e Goianésia – estão agora plenamente integrados ao restante de Goiás e ao Distrito Federal. O governador Marconi Perillo e o vice Zé Eliton, ambos do PSDB, entregaram nesta quinta-feira (8/2) a construção da Rodovia Estadual GO-480 entre o município de Santa Isabel e o distrito de Cirilândia. O trecho, de 12,9 quilômetros de extensão, completa a interligação entre Goianésia e Rialma/Ceres, com 59 quilômetros de extensão, e encurta as distâncias entre os municípios do Vale do São Patrício Pirenópolis e Brasília.

O governo de Goiás aplicou R$ 10,6 milhões, em recursos do Goiás na Frente, na obra, realizada pela Agetop. No trecho foram realizados os serviços de terraplenagem, pavimentação, construção dos dispositivos de drenagem, sinalização horizontal e vertical. “Estou aqui resgatando o compromisso que fiz com as lideranças políticas e o povo de Santa Isabel”, disse o governador, que fez a pé o percurso entre o município e o distrito. “Esse era um sonho de muitas gerações, que temos a honra de realizar em nosso governo”, disse Marconi, ao lado de Zé Eliton.

Marconi, Zé Eliton e a prefeita Cássia Dourado, do DEM, parlameantares e lideranças regionais percorreram a interligação entre os municípios. Com a inauguração desta quinta-feira, o governador Marconi Perillo resgatou dois compromissos feitos com a população de Santa Isabel: inaugurar a obra no começo deste ano e marcar a data com uma caminhada entre a cidade e o distrito. “Estou aqui resgatando o compromisso que fiz com as lideranças políticas e o povo de Santa Isabel de ir a pé quando da inauguração da rodovia até Cirilândia”, anunciou.

Marconi reconheceu que a pavimentação da rodovia “era o sonho de muitas gerações”. “Estamos cumprindo com nossa palavra”. A pavimentação dos quase 8 quilômetros custou R$ 10,6 milhões aos cofres públicos estaduais. O governador disse ainda que em breve retornará à região para inaugurar várias outras obras. “Ainda vamos voltar em Jaraguá, em Carmo do Rio Verde, em Goianésia, Pirenópolis, Ceres e outras cidades da região para inaugurarmos mais obras”.

Ao final de seu pronunciamento agradeceu a Deus pelo momento e reafirmou sua confiança de que o vice-governador, Zé Eliton, “que tem sido irmão nessa jornada de fazer um grande governo em Goiás”, fará uma administração empreendedora. “Tenho segurança da competência dele. Todos nós estaremos apoiando o seu governo”, garantiu.

O governador Marconi, o vice, Zé Eliton e a prefeita Cássia Dourado lideraram a comitiva que fez o percurso à pé entre Santa Isabel e Cirilândia. Além de deputados, assessores do governo e lideranças políticas de toda a região, pelo menos 300 pessoas acompanharam a comitiva. No encerramento da programação, depois da caminhada e falando à população de Cirilândia, o governador dirigiu-se aos jovens. “Quando vocês, jovens, tiverem minha idade, 54 anos, vão se lembrar desse dia histórico para sua cidade”.

Apesar de ainda não ter se recuperado de uma entorse no tornozelo, Marconi e comitiva fizeram o trajeto em uma hora e 15 minutos. “Estou com o pé machucado, mas mesmo assim consegui fazer essa caminhada, cumprindo com a nossa promessa”. Estiveram ao lado do governador e do vice, Zé Eliton na agenda desta manhã, os deputados estaduais Tales Barreto; Nédio Leite e Hélio de Souza; o deputado federal e ministro das Cidades, Alexandre Baldy e os prefeitos de Rubiataba, Rialma, Rianápolis, Hidrolândia, Barro Alto, Hidrolina, Carmo do Rio Verde, Ceres, Itapaci e Ipiranga de Goiás.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.