Governo de Goiás exonera policiais do Simve

Servidores temporários deverão entregar armas, fardas e identificação militar a partir de segunda-feira (25/5), informa secretaria de Segurança Pública

fadsf | Foto: Eduardo Ferreira

Voluntários do Simve durante formatura, em 2013 | Foto: Eduardo Ferreira

Bruna Aidar

A Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária anunciou, nesta sexta-feira (22/5), que a Polícia Militar (PM) iniciará os procedimentos administrativos de desmobilização do Serviço de Interesse Militar Estadual (Simve).

A desmobilização consiste no recolhimento de fardas, armamento (já que alguns estavam em serviço) e identidade oficial de todos os servidores do Simve. Estes procedimentos devem ser iniciados na segunda-feira (25). Eles devem ainda receber orientação sobre como se portar após a exoneração.

A Assessoria da Polícia Militar informou que já começou a tomar as medidas administrativas para compensar a saída destes policiais. Entre elas está a realização de um concurso público e a redistribuição da verba de trabalho extra.

Os policiais do Simve serão exonerados por causa da decisão do Supremo Tribunal Federal, que declarou inconstitucional a Lei 17.882/2012, que regula o serviço do grupo na PM. Por unanimidade, o STF instituiu o afastamento de todos os 2,5 mil policiais temporários.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Lita Carneiro

“Decisão da Justiça não se discute, se cumpre”.RepeteM os políticos quando enfrentam uma decisão da Justiça, desfavorável para alguns. Se cumprissem a lei respeitassem a Constituição, esses pobres moços não estariam passando por esse vexame e decepção.