Governo de Goiás entrega 55 leitos pediátricos no Hugol

Objetivo é desafogar o atendimento realizado no Hospital Materno Infantil (HMI)

Governo de Goiás entrega 55 leitos pediátricos no Hugol
Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira, 12, o governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), entrega os 55 leitos pediátricos no Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol) prometidos no Ministério Público de Goiás (MP-GO) na última semana. O objetivo é desafogar o atendimento realizado no Hospital Materno Infantil (HMI).

Dentre os leitos, 45 são de internação e 10 de UTI. Assim, o Hugol passará a receber pacientes com perfil de média e alta complexidade, que tiveram primeiro atendimento no HMI. “O Hugol servirá de retaguarda ao Materno Infantil, funcionando como uma extensão, do ponto de vista operacional, do atendimento pediátrico deste hospital”, afirma o secretário da SES, Ismael Alexandrino.

Segundo ele, os novos leitos correspondem a metade da capacidade do HMI. Além disso, a Associação Goiana de Integralização e Reabilitação (Agir), que gere o Hugol, irá contratar em caráter de urgência profissionais entre enfermeiros, técnicos em enfermagem e médicos.

Pediatria

De acordo com assessoria do Hugol, de julho de 2015 a dezembro de 2018, o Hugol realizou 14.868 atendimentos de Urgência e Emergência para crianças de 0 a 12 anos incompletos. O hospital assiste a crianças vítimas de traumas de média e alta complexidade, em casos como queimaduras, acidente de trânsito, queda, afogamento, intoxicação e outros.

A pediatria na Capital também tem vivido momento de caos, com a demanda alta do HMI, somado ao atendimento pediátrico pelo município realizado apenas no Cais de Campinas. No Ministério Público, no último dia 4, tanto o secretário estadual quanto a secretária municipal se comprometeram em fazer políticas para resolver a situação.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.