Governo anuncia conservação de mais de 3 mil quilômetros de rodovias

Objetivo é dar trafegabilidade aos 21,6 mil quilômetros de extensão da malha rodoviária goiana

Reprodução/Agetop

Reprodução/Agetop

O programa Rodovida Manutenção, empenhado pelo governo de Goiás, por meio do Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), acumula mais de 3 mil quilômetros até o momento em execução de serviços de conservação nas rodovias pavimentadas e não pavimentadas do Estado.

Conforme a pasta, o objetivo é dar trafegabilidade aos 21,6 mil quilômetros de extensão da malha rodoviária. “São intervenções rotineiras, dando prioridade aos trechos que apresentam maior necessidade de manutenção”, explica a Agetop.

Confira abaixo a lista divulgada pela agência com os trechos que serão alvos da Rodovia Manutenção.

São Luis de Montes Belos / Iporá

O trecho com 95 quilômetros da GO-060, entre São Luis de Montes Belos e Iporá, passa por reparos localizados na pista e no acostamento e roçagem das margens da rodovia e limpeza geral. A via está localizada no Centro Goiano e faz ligação de municípios economicamente importantes para a localidade, como Trindade, Iporá e Piranhas. O trecho faz parte da região 7, com 713,1 quilômetros, do programa Rodovida Manutenção, que executa serviços de conservação em forma de rodízio.

Jataí / Serranópolis

Reparos localizados na pista e nos acostamentos e roçagem das margens da rodovia e limpeza geral estão em andamento na GO-184, trecho entre Jataí e Serranópolis. As frentes de serviço funcionam em sistema de rodízio e começaram pelos segmentos em piores condições de tráfego na região 12, com 680,7 quilômetros. A rodovia tem intenso tráfego, já que é utilizada para acessar o Mato Grosso do Sul, sendo uma das principais vias de escoamento do Sul Goiano.

Sanclerlândia / Distrito de Choupana

Os serviços de reparos localizados na pista e nos acostamentos estão concentrados na GO-326, trecho Sanclerlândia-Distrito de Choupana, que faz parte da região 11 do Rodovida Manutenção. O segmento pertence ao Centro Goiano, região composta por 82 municípios. A rodovia recebe veículos de carga responsáveis pelo escoamento da produção de grãos e da agropecuária.
Goiânia-Aragoiânia / Mairipotaba-Cromínia

Na GO-217, entre Mairipotaba e Cromínia e na GO-040, entre Goiânia e Aragoiânia, trechos que pertencem à região 11, as equipes da Agetop promovem roçagem das margens da rodovia e limpeza geral. As máquinas trabalham na pista em forma de rodízio na região, com 718,3 quilômetros. Na GO-040 a roçagem é manual, pois, os pontos íngremes não comportam equipamentos de grande porte.
Nova Roma-Terezina de Goiás

As equipes da Agetop recuperam um trecho da rodovia não pavimentada GO-241, entre Nova Roma e Teresina de Goiás, que foi danificado devido às chuvas. A estrada, utilizada pelos agricultores, está sob um terreno arenoso e de serras. Máquinas retiram o pedregulho para, em seguida, recompor a base e patrolar a pista. O tráfego no trecho, Região 19, com 960,8 quilômetros do Rodovida Manutenção, está interrompido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.