Programa possibilita que produtores rurais da agricultura familiar vendam alimentos para o Governo do Estado, que destinará os produtos para famílias em situação de vulnerabilidade e entidades

Foto: Reprodução.

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), ampliou a abrangência de municípios participantes do Programa de Aquisição de Alimentos Estadual (PAA/GO).

O PAA está sendo operacionalizado pela primeira vez em Goiás e irá abranger 100 municípios, 25 a mais que o anunciado inicialmente.

O programa possibilita aos produtores rurais da agricultura familiar a venda de alimentos para o Governo do Estado, que destinará os produtos para as famílias em situação de vulnerabilidade e a entidades. Devido à ampliação do número de municípios, o prazo para cadastramento estará disponível até 15 de novembro de 2020.

Como funciona

O PAA/GO é executado pela Seapa e pela Emater, com apoio da Secretaria da Retomada. Os recursos são do Ministério da Cidadania, que destinou R$ 5,36 milhões para essa edição do Programa no Estado. A Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e o Gabinete de Políticas Sociais (GPS) são responsáveis pela identificação, cadastramento e capacitação das entidades sociais que vão receber os alimentos.

As entregas serão realizadas conforme a demanda das entidades recebedoras, de acordo com a periodicidade de entrega cadastrada na proposta inicial (semanal, quinzenal, mensal) por um período de 10 meses.

Cadastro

Os editais de Chamamento Público nº 01/2020 e nº 02/2020 da Seapa estão disponíveis nos sites da Secretaria e da Emater.

Nos partais também é possível baixar o Formulário para o envio de propostas que deve ser preenchido com auxílio de um técnico da Emater. Para isso, o produtor interessado deve procurar a unidade da Emater mais próxima e solicitar auxílio para cadastramento no PAA Estadual.

Municípios participantes

As compras e doações simultâneas serão realizadas para 100 municípios goianos. São eles:

Abadia de Goiás, Abadiânia, Acreúna, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Alto Paraíso, Amorinópolis, Anápolis, Anicuns, Aparecida de Goiânia, Araçu, Aragarças, Aragoiânia, Araguapaz, Aurilândia, Bom Jardim de Goiás, Bom Jesus de Goiás, Bonfinópolis, Brazabrantes, Caiapônia, Campestre de Goiás, Campos Belos, Carmo do Rio Verde, Cavalcante, Ceres, Cezarina, Cidade Ocidental, Cristalina, Cristianópolis, Damianópolis, Diorama, Doverlândia, Faina, Fazenda Nova, Flores de Goiás,  Formosa, Gameleira, Goiandira, Goianápolis, Goianésia, Goianira, Goiatuba, Guapó, Heitoraí, Hidrolândia, Ipameri, Iporá, Itapirapuã, Itapuranga, Itumbiara, Ivolândia, Jaraguá, Jaupaci, Jussara, Luziânia, Mairipotaba, Maurilândia, Minaçu, Mineiros, Moiporá, Monte Alegre de Goiás, Morrinhos, Morro Agudo de Goiás, Mozarlândia, Nerópolis, Nova Veneza, Novo Gama, Orizona, Padre Bernardo, Palminópolis, Paranaiguara, Petrolina de Goiás, Perolândia, Pirenópolis, Pires do Rio, Porangatu, Portelândia, Posse, Quirinópolis, Rio Verde, Rubiataba, Santa Rita do Araguaia, Santa Rita do Novo Destino, Santo Antônio do Descoberto, São Domingos, São Miguel do Passa Quatro, São João da Paraúna, São João d’Aliança, São Luís de Montes Belos, São Miguel do Araguaia, Senador Canedo, Silvânia, Trindade, Uirapuru, Uruaçu, Uruana, Valparaíso de Goiás, Varjão, Vianópolis e Vila Boa.