Governadores elogiam atuação de Marconi para criação e fortalecimento do BrC

“Todos nós reconhecemos a sua capacidade de liderança, Marconi, a sua força e seu poder de união”, disse o sucessor Pedro Taques

Marconi Perillo em reunião em Brasília do Consórcio Brasil Central | Foto: Mantovani Fernandes

A reunião de Brasília do Consórcio Brasil Central BrC foi aberta às 9 horas desta sexta-feira (23/3), no Palácio do Itamaraty, nas presenças dos governadores Marconi Perillo, de Goiás; Rodrigo Rollemberg, do Distrito Federal; Pedro Taques, do Mato Grosso; Reinaldo Azambuja, de Mato Grosso do Sul; Confúcio Moura, de Rondônia, e de Carlos Brandão, vice-governador do Maranhão. Como convidados especiais, participaram o secretário geral das Relações Exteriores, embaixador Marcos Galvão, que representou o ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, e o ministro Gilmar Mendes, do STF, além do vice-governador de Goiás, José Eliton, e da senadora Lúcia Vânia.

O governador do Mato Grosso e novo presidente do Consórcio, Pedro Taques, que assumiu o cargo para um mandato que começou no dia 1 de janeiro e se estenderá até 31 de dezembro deste ano, declarou em seu pronunciamento de posse esperar atingir a marca conseguida por Marconi.

“Espero atingir o seu patamar de liderança. Todos nós reconhecemos a sua capacidade de liderança, Marconi, a sua força e seu poder de união. O Brasil precisa conhecer mais sua liderança, sua competência, conhecer o que o senhor fez por Goiás como exemplo de homem público correto e de grande capacidade inovadora”.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg cumprimentou Marconi “pelo excepcional trabalho desenvolvido”. No seu entendimento, a criação do Consórcio e a capacidade de aglutinação de Marconi “foi uma inovação na política brasileira, num momento de muita dificuldade em meio a uma violenta crise econômica e política”.

Rollemberg destacou as muitas parcerias realizadas entre os governos do DF e de Goiás, principalmente na área de saneamento básico. “A maior obra de captação e tratamento de água em curso no Brasil está sendo realizada em parceria pelos governos de Goiás e do DF. Serão distribuídos 5.600 litros de água por segundo às populações de Goiás e do DF que residem em cidades do Entorno Sul”, com a barragem de Corumbá IV.

O governador do DF também deu destaque “a obra mais moderna de tratamento de esgoto do Brasil feita em parceria pelos governos de Goiás e do DF, em Águas Lindas, preservando a qualidade da água da barragem do Descoberto que abastece 60% do Distrito Federal”.

“Essa parceria continuará a ser forte para incrementar outros setores da infraestrutura”, salientou Rollemberg, ao atribuir a Marconi “uma extraordinária capacidade de criar sinergia entre Estados produzindo resultados melhores e mais rápidos”. E encerrou augurando que, “inspirado no exemplo de Marconi, Taques dará continuidade a esse trabalho que trouxe resultados positivos aos Estados do Brasil Central”.

Reinaldo Azambuja desejou sucesso a Marconi em suas novas empreitadas políticas. “Confiamos muito em você e na sua liderança. Você é um homem público de extrema qualidade e exemplo para o Brasil”.

O governador Confúcio Moura também parabenizou o governador por “sua liderança na condução do consórcio” atribuindo ao trabalho do governador de Goiás “os grandes avanços conseguidos até aqui pelo BrC. Marconi realizou uma administração exemplar”, concluiu.

Carlos Brandão disse que, “com sua visão empreendedora, arrojada, corajosa e sob a liderança de Marconi, o sucesso desse consórcio mostrou o Brasil que dá certo, nos despertou para vários assuntos de interesse da nossa região e do Brasil”.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.