Governadores defendem que a prioridade para compra de vacinas deve ser do Governo Federal

Laboratório fabricante da vacina Sputnik V no Brasil, prevê a produção de 8 milhões de doses mensais a partir do mês de abril e governadores afirmam que nenhum estado deve ter prioridade na aquisição desses imunizantes

Governadores e representantes de 18 estados brasileiros e do Distrito Federal, estiveram presentes em uma reunião na sede do laboratório denominado União Química, em Brasília. O intuito do encontro era a busca por soluções que pudessem ampliar a compra das vacinas, dando preferência para o Governo Federal, que é o maior responsável pelo chamado Plano Nacional de Imunização (PNI). O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, é um dos principais defensores da ideia de que nenhum estado deve ter prioridade sobre o outro em relação à compra de vacinas.

Fernando de Castro Marques, presidente do grupo farmacêutico União Química, afirma que somente a partir do mês de abril o laboratório será capaz de produzir vacinas em escala industrial, pretendendo alcançar a meta de 8 milhões de doses mensais do imunizante russo Sputnik V. “Estamos com dois cientistas russos acompanhando essa última fase. Dia 08, segue para Moscou para certificação e aprovação. Daí, pedimos a inspeção da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para começar o processo industrial do Ingrediente Farmacêutico Ativo no Brasil”, disse Marques.  

O Governo Federal já se comprometeu a comprar cerca de 10 milhões de doses da vacina produzida pelo laboratório União Química. No entanto, a produção ainda aguarda aprovação da Anvisa. O governador do Piauí, Wellington Dias, afirmou que a farmacêutica já procura obter autorização para uso emergencial e definitivo. Foi solicitado também um cronograma de produção de algumas doses das vacinas até a próxima semana, fazendo com que governadores de todo o Brasil possam se organizar quanto à compra das mesmas e imunização de seus cidadãos. 

Ronaldo Caiado não pôde comparecer à reunião por ter apresentado um quadro febril durante a última noite. O governante comemorou o resultado do encontro por meio de suas redes sociais, dizendo que os governadores de todo o país não vão medir esforços para que suas respectivas populações sejam vacinadas o quanto antes. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.