Governador comemora resultados do Ideb: “Estamos provando que uma boa gestão pode trazer excelentes resultados”

Levantamento do Inep demonstrou que o índice da educação no Estado, no Ensino Médio, saltou da 5ª para a 1ª posição, com nota de 3,8. Na aferição anterior, de 2011, a média era de 3,6

Foto: Rodrigo Cabral

Foto: Rodrigo Cabral

O governador Marconi Perillo (PSDB) comemorou os ótimos índices alcançados pelo Estado no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013 em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (5/9). O levantamento do Inep demonstrou que o índice da educação no Estado, no Ensino Médio, saltou da 5ª para a 1ª posição, com nota de 3.8. Na aferição anterior, de 2011, a média era de 3,6.

Para o governador, o avanço é fruto de uma administração focada na gestão e no planejamento estratégico. “Tudo que aconteceu na área da educação se deu por conta da gestão eficiente, de qualidade e de planejamento. Estamos provando que uma boa gestão pode trazer a um Estado como o nosso excelentes resultados”, ressaltou.

Marconi pontuou que os esforços voltados para a o ensino no Estado se ancoraram nos 25 princípios do Pacto pela Educação, enfatizando que os trabalhos desenvolvidos por ex-secretários, como Thiago Peixoto, Raquel Teixeira e Eliana França foram essenciais para o que se vislumbra hoje.

“Por trás disso tudo há uma grande equipe de superintendentes, subsecretários, diretores, tutores pedagógicos e principalmente professores, alunos e família. Essa junção de esforços possibilitou uma estratégia bastante clara para chegarmos a esse extraordinário resultado”, reforçou. “Esse não é um resultado aferido apenas no final do ano passado no Ideb. É um resultado de três anos de muito esforço, que significou saltarmos do 16º lugar no país no Ensino Médio para o 5º, e agora para o 1º lugar. É um salto histórico.”

Além dos índices no Ensino Médio, o governo também obteve conquistas no Ensino Fundamental. Na segunda fase, da 5ª à 9ª série, o Estado foi do 15º para o 6º, e agora para o 2º lugar. Já na primeira fase, Goiás está agora na 3ª posição, quase empatados com o 2º colocado.

Entre os feitos em prol da educação, o governador destaca o pagamento do piso nacional aos professores, o prêmio Poupança Aluno, a construção de escolas Padrão XXI, reforma de mais de mil unidades da rede estadual, além da capacitação dos docentes. “Quando se quer um bom resultado é preciso ter foco, liderança e um bom projeto”, disse.

Apesar disso, Marconi garante que os esforços do governo estadual não vão diminuir com esse reconhecimento. “Não estou satisfeito com o que conseguimos até aqui. É bom, mas precisamos avançar mais. Temos uma equipe extraordinária na área da educação, temos extraordinários professores, e daqui pra frente vamos focar ainda mais na carreira desses profissionais”, afirmou. “Hoje é um dia para a gente comemorar. Todos nós que lideramos esse processo estamos de alma lavada e com a certeza do dever cumprido.”

A atual secretária da Educação, Vanda Siqueira, também festejou os resultados. Ela atestou que a gestão estadual vai continuar investindo na qualidade e apoiando os professores.

A secretária ressaltou que as escolas de tempo integral foram de grande ajuda para que Goiás alcançasse os índices do Ideb. “O aluno que está dentro da unidade escolar em um período maior está também tendo apoio maior, em todos os sentidos. No ensino, no trabalho, no social. Com certeza contribui.”

1
Deixe um comentário

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Edelson

Alguém me explique, por favor: numa escala de 0 a 10 (segundo Inep), a média 3,8 é um “ótimo índice”?