Goiás ultrapassa a marca dos 183 mil casos confirmados de Covid-19

Há também outros 220.713 casos suspeitos em investigação. Número de óbitos confirmados é de 4.135

Mapa epidemiológico do Estado de Goiás / Foto: Reprodução

O boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), neste sábado, 19, informa que Goiás já superou a marca dos 183 mil casos de coronavírus (Covid-19) registrados.

A pasta destacou ainda que, destes, há o registro de 172.552 pessoas recuperadas e 4.135 óbitos confirmados. Há também outros 220.713 casos suspeitos em investigação e quase 140 mil já foram descartados.

Diante dos 4.135 óbitos confirmados, a taxa de letalidade da doença em território goiano é de 2,26%. Há 208 óbitos que seguem sob suspeita e passam por processo de investigação. Já foram descartadas 1.405 mortes suspeitas nos municípios.

Painel Covid-19

O boletim com as notificações da SES-GO foi informatizado e realiza o processamento dos dados a partir dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Eventuais diferenças são justificadas, segundo a secretaria, por ajustes nas fichas de notificação dos municípios, como por exemplo, a atualização do local de residência da pessoa.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, basta acessar o painel Covid-19 do Governo de Goiás.

Sobre os dados

Desde as primeiras confirmações da doença, a SES-GO divulga boletins diários com atualizações sobre os casos confirmados e óbitos. Os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas diversas instituições de saúde cadastradas no Estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.