Goiás ultrapassa a marca de 18 mil mortes por complicações da Covid-19

A ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) destinados a pacientes com Covid-19 na rede estadual, em Goiás, está em 85,82%. Já na rede pública municipal a ocupação é de 86,75%

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), nesta terça-feira, 15, foram registrados 3.761 novos casos e 139 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, ultrapassado a marca de 18 mil óbitos por complicações da doença no Estado.

Em todo o território goiano, já há mais de 643.665 mil casos registrados de contaminação. Deste total, 613.208 estão recuperados. Outros 480.686 mil casos estão sob investigação. Segundo o painel de Covid-19, 18.119 goianos já perderam a vida em decorrência da doença, o que significa uma taxa de letalidade de 2,82%. Há 353 óbitos suspeitos que estão em investigação. 

A ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) destinados a pacientes com Covid-19 na rede estadual, em Goiás, está em 85,82%. Dos 578 leitos implantados, 478 estão ocupados, 21 bloqueados e 79 disponíveis. Já na rede pública municipal a ocupação dos leitos está em 86,75%. De acordo com a pasta, dos 293 leitos implantados, 216 estão em uso, 44 bloqueados e 33 disponíveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.