Goiás tem saldo positivo em setembro de 4.719 novos empregos, aponta Caged

Saldo no Estado, de janeiro a setembro, é positivo com 40.745 empregos abertos

Foto: Reprodução

Os dados divulgados nesta quinta-feira, 17, pelo CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – mostram que o mercado de trabalho em Goiás teve um saldo de 40.745 novos postos de trabalho formal acumulado nos nove primeiros meses, uma variação de 3,36% em relação ao mesmo período de 2018.

Goiás admitiu, desde o começo do ano, 469.360 mil trabalhadores e 428.615 mil foram demitidos, o que gerou o saldo positivo de 40.745. Apenas no mês de setembro foram 49.506 mil contratações e 44.787 mil demissões.

O setor de serviços registrou o melhor saldo positivo para o mês de setembro, com 2.210 novos empregos com carteira assinada. Em seguida, vem o comércio, com saldo de 1.098 vagas a mais. O setor que mais fechou vagas foi o da agropecuária, 451. No acumulado do ano, os serviços (15.504) e a indústria da transformação (10.394) tiveram os melhores desempenhos. O único setor com saldo negativo é a administração pública, com 54 vagas a menos.

Os municípios que mais contrataram em setembro foram Goiânia (18.244 novos postos formais de trabalho) e Aparecida de Goiânia (4.476). Itumbiara foi o município goiano com maior saldo negativo de empregos no mês, com menos 442 vagas.

No Brasil, setembro também foi o melhor mês desde 2013, com 157.213 novos postos de emprego com carteira assinada. No ano, o saldo é de 1.314.716.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.