Goiás tem 705 casos confirmados do novo coronavírus; Nas últimas 24 horas não houve registro de mortes

Goiânia tem maior número de infectados no estado, com 404 confirmações. Anápolis é o segundo da lista, com 41, enquanto Goianésia chega a 28

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-GO) confirmou, na tarde desta quarta-feira, 29, 705 casos da Covid-19 em Goiás. Os óbitos não houve acréscimo nas últimas 24 horas, e o número ainda é 27 em todo estado, sendo a capital, Goiânia, como local com mais vítimas, 12. No Lacen, 166 amostras são analisadas.

Ainda, 8.612 casos suspeitos são investigados, enquanto 2.422 já foram descartados.

As confirmações são de residentes dos municípios de Águas Lindas de Goiás (10), Aloândia (1), Anápolis (41), Anhanguera (1), Aparecida de Goiânia (39), Aragoiânia (2), Avelinópolis (1), Barro Alto (1), Bela Vista de Goiás (3), Bom Jesus de Goiás (3), Caldas Novas (1), Campestre (1), Campinorte (1), Carmo do Rio Verde (3), Catalão (1), Ceres (4), Cidade Ocidental (6), Faina (1), Formosa (4), Goiandira (2), Goianira (1), Goianésia (28), Goiânia (404), Goiatuba (2), Guapó (1), Inhumas (3), Ipameri (1), Itaguaru (2), Itumbiara (10), Jaraguá (1), Jataí (6), Jesúpolis (1), Luziânia (13), Mineiros (4), Montividiu (1), Morrinhos (1), Nerópolis (3), Niquelândia (1), Nova Glória (1), Nova Veneza (1), Novo Gama (5), Paranaiguara (1), Paraúna (3), Pires do Rio (4), Planaltina (5), Professor Jamil (6), Rialma (6), Rio Verde (19), Santa Helena de Goiás (1), Santo Antônio do Descoberto (5), São Luís dos Montes Belos (2), Senador Canedo (11), Silvânia (1), Trindade (11), Valparaíso de Goiás (11) e Vianópolis (1). Há dois (2) casos em investigação quanto a cidade de residência da pessoa.

Dentre os infectados, 22 pacientes se encontram internados. 8 deles estão na rede pública estadual de saúde, enquanto 14 estão em rede privada. Outros 72 casos suspeitos também necessitaram de internação, sendo 52 nas unidades públicas e 20 em privadas.

Os óbitos confirmados são residentes dos municípios de Aparecida de Goiânia (2), Goiandira (1), Goianésia (2), Goiânia (12), Luziânia (3), Paraúna (1), Planaltina de Goiás (1), Pires do Rio (1), Professor Jamil (1), Rio Verde (1) e Valparaíso de Goiás (1). Há um (1) óbito confirmado em investigação quanto a cidade de residência da pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.