O perfil do eleitorado goiano foi divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) na última semana

Goiás tem 4.754.945 eleitores aptos para votar nas eleições de 2022 e 116.945 eleitores que precisam regularizar a sua situação na Justiça Eleitoral para ir às urnas no dia 2 de outubro, quando o eleitor goiano votará para deputado estadual (41 vagas), deputado federal (17 vagas), senador (1 vaga), governador (1 vaga e presidente da República (1 vaga).  

O perfil do eleitorado goiano foi divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) na última semana. Segundo dos dados, entre os eleitores aptos para votar, as mulheres representam a maioria, totalizando 52,5%. O percentual masculino soma 47,5%. O eleitorado jovem é composto por 41.687 entre 16 e 17 anos. Já os idosos com 70 anos ou mais somam 357.077, sendo 46,38% homens e 53,62% mulheres. Os eleitores que declararam ter deficiência ou mobilidade reduzida somam 22.470 goianos. 

A maior parte do eleitorado informou ter o ensino médio completo: 1.342.365 (28,23%). Outros 1.072.227 (22,55%) eleitores disseram ter o ensino fundamental incompleto e 732.098 (15,40%) possuem o ensino médio também incompleto. Já os que possuem o ensino superior completo somam 562.582 (11,83%). 

Entre as novidades para as eleições deste ano a Justiça Eleitoral manteve a exclusão da obrigatoriedade da biometria em razão das medidas sanitárias adotadas para prevenção à Covid-19, mas 4.520.259 pessoas já foram cadastradas, o que representa 95,1% do total de eleitores. 

A inclusão do nome social no título também pode ser feita pelos eleitores goianos. Somente em Goiás, 763 pessoas já solicitaram a alteração dos seus nomes alterados no caderno de votação. 

Alterações 

O atendimento online da Justiça Eleitoral disponibiliza diversos serviços para o cidadão por meio do Título net. Demandas como alistamento, transferência, regularização e revisão do título eleitoral podem ser sanadas remotamente, no entanto o prazo expira no próximo dia 4 de maio.