Goiás registra 13 mortes e 27 acidentes de trânsito no feriado de Páscoa

Dados são referentes às operações realizadas pelo Corpo de Bombeiros e pela Polícia Rodoviária Federal entre os dias 29 de março e 1º de abril

Divulgação/Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) divulgou nesta segunda-feira (2/4) o balanço da Operação Semana Santa 2018, iniciada na última quinta-feira e que contou com reforço diário de 220 bombeiros, além do efetivo operacional das unidades da corporação em todo estado. Foram registrados 13 óbitos. Entre eles houve 8 mortes por afogamento e 5 mortes por acidente de trânsito.

Durante a operação, 14 postos avançados de monitoramento foram montados em pontos estratégicos do Estado. A ação realizou 1.416 atendimentos, entre elas 847 ocorrências de resgate, 34 incêndios urbano, 23 incêndios em vegetação, 120 busca e salvamento, uma ocorrência de produto perigoso, além de 391 ações preventivas.

O trabalho preventivo realizado teve especial atenção para evitar os casos de afogamento. O público atendido durante os dias da operação foi de mais de 63 mil pessoas.

Uma das ocorrências de maior repercussão foi o salvamento de um grupo de 30 turistas que ficou ilhado em uma cachoeira na Chapada dos Veadeiros. Para realizar o resgate, os militares utilizaram cabos, coletes e um equipamento que flutua sobre a água, conhecido como life belt, uma espécie de boia. Todas as vítimas foram resgatadas sem ferimentos.

PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também disponibilizou, na manha desta segunda, balanço da operação realizada nas rodovias federais goianas no feriado.

Conforme a corporação, 27 acidentes foram registrados, com três mortos e 35 feridos. Os agentes autuaram quase 3,5 mil pessoas e 12 pessoas foram detidas por motivos diversos.

O acidente mais grave ocorreu no domingo (1º) na BR-060, onde três pessoas morreram e 14 ficaram feridas. O condutor de uma van que transportava religiosos entre as cidades de Goiânia e Montividiu, no Sudoeste do Estado, perdeu o controle da direção e capotou no canteiro central.

Segundo relatou o motorista, uma das rodas travou e não teria sido possível evitar o acidente.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.