Goiás garante instalação de mais de 20 empresas já no mês de maio 

Com isso, mais de mil empregos serão gerados com e investimento superará casa dos R$ 100 milhões

Foto: Reprodução

O governo de Goiás anunciou a atração de aproximadamente R$ 100 milhões em investimentos. Apesar do surto do coronavírus no Brasil e, consequentemente, no Estado, o governo comemora o futuro salto na geração de emprego e  renda — falam em mais de mil novos postos de trabalho e instalação de 22 empresas.

Todas estarão localizadas nos distritos industriais administrados pela Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego). A implantação das empresas deve ocorrer já na primeira semana de maio.

Os empreendimentos serão instalados em terrenos da Codego localizados em oito municípios: Abadiânia, Anápolis, Catalão, Goianésia, Itumbiara, Morrinhos, Rio Verde e Senador Canedo.

As novas indústrias são dos segmentos de alimentos, produtos químicos, reciclagem, construção civil, transporte, mecânica, biotecnologia, nanotecnologia, entre outros. Somados, os investimentos chegam a R$ 95,7 milhões.

“Seguimos a determinação do governador Ronaldo Caiado e, apesar do cenário adverso, aceleramos a análise de documentos das empresas que requisitaram terrenos nos parques industriais do Estado. São processos em fase avançada, com comprovação da efetiva capacidade de gerar empregos e de promover o desenvolvimento econômico de Goiás neste momento”, afirmou o presidente da Codego, Marcos Cabral.

Na interpretação do presidente, a chegada dessas indústrias impacta de maneira positiva diretamente as cidades vizinhas, não apenas com empregos, mas com a geração de negócios e serviços que surgirão com a nova demanda. “A economia da região gira e mais goianos serão beneficiados”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.