Goiano que queria se tornar o Hulk vira destaque em jornais internacionais

Romário dos Santos Alves foi notícia em diversas partes do mundo. Fisiculturista que aplicava óleo nos bíceps quase teve que amputar os braços

História foi destaque no jornal inglês "Mirror" | Foto: Reprodução/Mirror

História foi destaque no jornal inglês “Mirror” | Foto: Reprodução/Mirror

O fisiculturista goiano Romário dos Santos Alves ficou famoso após ter seu drama divulgado em diversos jornais nacionais e internacionais. Ele, que é natural de Caldas Novas, injetava synthol — um óleo que se acumula no tecido muscular onde é injetado — nos braços com o objetivo de ficar parecido com o Hulk.

A história do goiano saiu na seção de esporte do site Uol, n’O Popular, nos estadunidense Daily Mail e Latin Times, nos ingleses Mirror e Metro News e em diversos outros veículos de outros países como a Austrália, o Canadá, o Perú e a Indonésia.

O site de humor americano “Someecards”, que também repercutiu a história de Romário, concluiu a matéria sobre o assunto da seguinte maneira: “Ele sonhava em ser o Hulk, mas havia uma coisa que ele esqueceu: nem mesmo Bruce Banner quer ser o Hulk”.

A História
Foto: Reprodução/Facebook

Foto: Reprodução/Facebook

Romário diz que começou a usar a substância quando se mudou para Goiânia há três anos. Foi nessa época que ele conheceu outros fisiculturistas na academia que frequentava e foi apresentado ao synthol. Com as aplicações, os bíceps do goiano foram ficando cada vez maiores, mas também endurecidos.

O fisiculturista conta que, quando já não conseguia mais aplicar o óleo devido à rigidez de seus músculos, ele passou a utilizar um tipo de agulha usada em bois. Quando já não alcaçava mais o local onde tinha que aplicar a substância, Romário convenceu sua esposa a começar a aplicar a substância nele.

Devido às reações adversas do synthol — que quase o levaram a perder os dois braços — e aos comentários que ouvia quando estava em público, como pessoas o chamando de “monstro”, o goiano acabou ficando deprimido e chegou a pensar em se matar.

Romário conseguiu retirar os pontos afetados pelo synthol em cirurgia e decidiu parar de usar o óleo. Hoje, o fisiculturista ainda tem aparência parecida com a que tinha na época em que aplicava a substância, mas afirma ter abandonado a prática. Ele diz ainda ter a ambição de ser um fisiculturista profissional, mas pelos meios naturais.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Epaminondas

Porque não basta parecer o Hulk. Tem que pensar como ele.