Em Goiás, são ao todo, 252 candidatos militares na disputa. Juntos eles somam 1% do número global de candidatos

Foto: Reprodução

Goiânia terá 23 militares na disputa eleitoral que se aproxima. Segundo dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são, ao todo, 16 policiais militares na disputa, quatro militares reformados e três bombeiros militares. Ao todo, os militares somam, juntos, pouco mais de 2% da quantidade global de candidatos na capital.

Em Goiás, são 146 policiais militares na disputa. Quanto aos militares reformados, estes somam 91 candidatos. Bombeiros aparecem na sequência com 15 nomes na disputa. Juntos, os candidatos somam 1% do número global.

A disputa de 2020 conta também com nomes oriundos da Polícia Civil e Bombeiro Civil de Goiás. Em Goiânia, são três policiais civis e apenas um bombeiro civil na disputa. Juntos, eles equivalem a 0,36% do total de candidatos. Já no Estado, o quantitativo sobe para 38 policiais civis e 12 bombeiros civis na disputa. Juntos eles somam 0,2% do total de nomes na disputa.