Gestão Iris fecha novo contrato com empresa suspeita de não entregar 4 mil cavaletes

JBA Comercial venceu licitação de quase R$ 170 mil para o fornecimento de materiais à Secretaria Municipal de Infraestrutura. Vereador irá levar o caso ao MP e à polícia

Delegado Eduardo Prado | Foto: Alberto Maia

Alvo da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investigou o rombo na Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), a empresa JBA Comercial Ltda. participou e venceu processo licitatório para fornecimento de materiais à Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra).

Conforme Diário Oficial do Município (DOM) da última quarta-feira (11), a gestão do prefeito Iris Rezende (MDB) irá pagar quase R$ 170 mil à empresa para a entrega de aventais, luvas, lanternas e produtos auditivos.

A JBA forneceu cavaletes para a SMT durante os anos de 2015 e 2016, em processos suspeitos. Conforme denúncia apurada pela CEI, já extinta, a prefeitura adquiriu mais de quatro mil cavaletes, conforme notas fiscais atestadas por vários gestores da secretaria, mas que nunca foram entregues no almoxarifado do órgão.

O material, de acordo com depoimento de servidores do almoxarifado, eram entregues em postos avançados ou retirados por agentes de trânsito da gerência de fiscalização.

Para averiguar a nova licitação e evitar novas irregularidades, o vereador Delegado Eduardo Prado (PV) informou que irá ao Ministério Público de Goiás (MP-GO), ainda nesta semana, para entregar representação contra a JBA.

Segundo Prado, uma empresa que possui histórico de supostas fraudes não pode vencer licitação da prefeitura. “É absurdo celebrar contrato com uma empresa que está sendo investigada por receber e não entregar produto”, defende.

O parlamentar informa que já encaminhou ofício ao titular da Seinfra, Dolzonan Mattos, com a recomendação para não celebrar contrato com a empresa. Ele também irá encaminhar denúncia à Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública (Derccap).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.