Geraldo Azevedo abre a temporada 2014 do Música no Câmpus

cartaz geraldo azevedoO cantor e violonista vai apresentar canções consagradas como “Dia Branco”, “Dona da Minha Cabeça”, “Ai que Saudade D’Ocê” e “Chorando e Cantando” no espetáculo intitulado “Em Família”

O pernambucano Geraldo Azevedo abre a temporada 2014 do projeto Música no Câmpus, promovido pela Universidade Federal de Goiás (UFG) em parceria com o Sesc. O cantor e violonista vai apresentar canções consagradas como “Dia Branco”, “Dona da Minha Cabeça”, “Ai que Saudade D’Ocê” e “Chorando e Cantando” no espetáculo intitulado “Em Família”.

Geraldo Azevedo é conhecido pela sua habilidade com o violão e pela mistura de ritmos que promove. Pernambucano, Geraldo demonstrou o talento para a música desde cedo. Sem ter tido aulas, aos 12 anos de idade já tocava violão.

O pontapé inicial para sua carreira de música foi dado em 1963, quando, aos 18 anos, saiu de Petrolina, sua cidade natal, e foi para Recife estudar. Na capital pernambucana ele conheceu Teca Calazans, Naná Vasconcelos , Marcelo Melo e Toinho Alves, se juntando a eles para a formação do quinteto “Construção”.

Quatro anos depois, em 1967, seguiu para o Rio de Janeiro, onde trabalhou com Eliana Pittman. Ainda na capital fluminense, ele ajudou a formar o Quarteto Livre junto a Naná Vasconcelos, Nelson Ângelo e Franklin.

Depois que o grupo foi dissolvido, devido a problemas com o governo militar, Geraldo recebeu o convite para gravar seu primeiro disco pela gravadora Copacabana ao se apresentar com Alceu Valença no Festival Universitário da TV Tupi. O disco “Alceu Valença & Geraldo Azevedo” alçou os jovens músicos ao estrelato, consagrando-os como dois dos maiores nomes da Música Popular Brasileira (MPB).

Em seus mais de 20 discos lançados, Geraldo cadencia ritmos como a bossa nova e a musicalidade latina, sem deixar de lado a sonoridade que remete ao Nordeste — sua região de origem –, como o frevo. Entre suas diversas parcerias de sucesso, aquela que mais marcou sua carreira foi com a cantora paraibana Elba Ramalho que, segundo ele, foi a artista que mais interpretou músicas de sua autoria. Juntos, já gravaram discos, fizeram diversos shows e ganharam dezenas de prêmios.

A maior parte das músicas de Geraldo Azevedo é o resultado de parcerias com poetas e amigos como Carlos Fernando e Renato Rocha, Capinan e Fausto Nilo.

O show

A música e a poesia sempre fizeram parte do lar da família Azevedo. Geraldo e seus quatro irmãos cresceram em meio a violões, aulas de cânticos e saraus promovidos pela matriarca, Dona Nenzinha. Dessa mesma forma, o cantor e compositor criou seus filhos, que seguem na carreira musical ao seu lado. No show “Em Família”, Geraldo excursiona ao lado de seus filhos Lucas Amorim e Tiago Azevedo, nas percussões, e Clarice Azevedo, no backing vocal.

“Lucas ficou longe da banda por um tempo, mas agora está de volta. Tiago toca comigo desde 2003 e a caçula Clarice veio chegando. Eles trouxeram músicas para o repertório que eu não tocava há muito tempo. A minha filha mais velha, Gabriela, também nos acompanha na produção. É uma delícia ter meus filhos trabalhando ao meu lado”, conta Geraldo orgulhoso.

No repertório do show, a família Azevedo apresenta grandes sucessos, como “Dia Branco”, “Táxi Lunar”, “Bicho de Sete Cabeças” e “Chorando e Cantando”, e canções menos conhecidas do grande público, mas que são altamente marcantes na carreira de Geraldo, como “Grande Momento” e “Semente de Adão”, ambas de Geraldo em parceria com Carlos Fernando. Clarice também mostra seu lado compositora e sambista ao cantar “Rapaz Mimado” e “Pelo Avesso”, parceria dela com Eduardo Krieger, e “Eu Não Sei”, composta com o pai Geraldo Azevedo e o avô materno Chiquinho.

Os ingressos para apresentação custam R$ 20,00 a inteira e R$ 10,00 a meia e podem ser adquiridos nas Livrarias UFG, unidades do Sesc, Cine UFG e restaurante Tribo. Estudantes, professores e técnico-administrativos da UFG, comerciários e dependentes do Sesc, professores da Rede Pública de Ensino têm direito à meia entrada.

Os ingressos estarão disponíveis nos tradicionais pontos de venda a partir do 17 de abril, nas Livrarias UFG, nas Unidades do SESC e no Restaurante Tribo do Açaí. R$ 20,00/R$ 10,00

Projeto Música no Câmpus – Geraldo Azevedo

Dia: 06 de maio de 2014

Horário de abertura dos portões: 20 h

Horário do início do show: 20h30

Local: Centro de Cultura e Eventos da UFG – Campus Samambaia

Ingressos: R$ 20,00 (inteira) R$ 10,00 (meia)

Pagam meia: Estudantes, Professores e Técnicos Administrativos da UFG, Comerciários e dependentes do SESC; Professores da Rede Pública de Ensino.

Postos de vendas: Livrarias da UFG, Unidades do SESC, Restaurante Tribo e Cine UFG.

É proibida a entrada de menores de 18 anos desacompanhados dos pais ou responsável legal.

Uma resposta para “Geraldo Azevedo abre a temporada 2014 do Música no Câmpus”

  1. Avatar Antônio Macedo disse:

    Com certeza será um ótimo show.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.