Zacharias Calil realiza sua vigésima cirurgia de separação de gêmeos siameses

Médico é pioneiro na técnica de separação de siameses em Goiás e detém o recorde mundial desse tipo de procedimento, feito por uma mesma equipe

Médico e deputado federal Zacharias Calil realiza separação de gêmeos siameses desde 1999 | Foto: Fábio Costa / Jornal Opção

O médico-cirurgião pediatra Zacharias Calil realizará, nesta terça-feira, 26, a partir das 7h, a 20ª cirurgia de separação de gêmeos siameses em sua carreira. As irmãs Laura e Laís, que são da Bahia (elas nasceram em agosto de 2018 em Piraí do Norte), passarão pelo procedimento no Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia.

As irmãs, que já estão com 2 anos e 5 meses de idade, nasceram unidas pela bacia e compartilham o intestino. Zacharias Calil foi procurado pela família delas, que veio para Goiânia em outubro do ano passado para que as filhas pudessem passar por uma série de exames para avaliar a situação.

No mês de novembro, Zacharias coordenou uma equipe de 12 profissionais para realizar uma cirurgia para colocação de expansores de pele nas gêmeas. O procedimento foi necessário porque elas não teriam pele suficiente para fazer o fechamento, o que geraria riscos. O procedimento também foi realizado no HMI.

“A cirurgia foi bem sucedida e elas já ganharam pele suficiente para garantir uma boa cicatrização. E, agora, as gêmeas, ou melhor dizendo, mais um caso de irmãos siameses, vão passar pela cirurgia de separação no Materno Infantil, um hospital público, que atende por um plano de saúde público, que é o SUS. Por isso, sou defensor dos investimentos no SUS e na rede pública de saúde como um todo”, diz Zacharias.

Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Goiás (UFG), Zacharias estreou na técnica de separação de siameses, considerada uma doença rara, em 1999, na cirurgia inédita em Goiás das gêmeas Larissa e Lorraine Gonçalves. Ele já tem o recorde mundial desse tipo de procedimento, feito por uma mesma equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.