Gêmeas siamesas de São Paulo passam por última cirurgia antes de separação, em Goiânia  

Valentina e Heloá receberam expansores de pele em procedimento realizada por Zacharias Calil e equipe no Hecad

As gêmeas siamesas, nascidas em São Paulo, Valentina e Heloá, passaram por procedimento de expansão de pele na manhã desta quinta-feira, 23, no Hospital Estadual da Criança e Adolescente (Hecad). A cirurgia é preparatória para a separação das duas e foi realizada pelo médico Dr. Zacharias Calil e equipe. As meninas haviam recebidos os primeiros expansores de pele em março.

Essa foi a quarta cirurgia cujas gêmeas de 2 anos e 8 meses se submeteram desde que nasceram. Além de expansores, elas  já passaram por procedimento corretivo do sistema digestivo. “A introdução  dos expansores foi feita com muita tranquilidade, agora vamos aguardar a recuperação das crianças que serão acompanhadas por nossa equipe na UTI do Hecad”, explica o cirurgião Zacharias Calil.  

A previsão é que a cirurgia para separação das irmãs ocorrá no segundo semestre deste ano. Calil frisa que é necessário um prazo em torno de três meses para que as crianças tenham ganho de pele suficiente para cobertura de cicatrizes. O caso de Valentina e Heloá será a 21ª cirurgia de separação de siameses feita pelo cirurgião pediátrico goiano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.