Gêmea siamesa operada em Goiás é transferida para Bahia para tratar do coração

A outra gêmea recebeu alta na última sexta-feira (14)

O Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento (HMI) informou neste domingo (16/9) que uma das gêmeas siamesas operadas em Goiás, a paciente Débora de Menezes dos Santos, de 25 dias, foi transferida para uma unidade referência em cardiologia pediátrica, em Salvador (BA), acompanhada da mãe, Viviane de Menezes dos Santos.

Na última sexta-feira (14), a outra gêmea, Catarina de Menezes dos Santos, de 24 dias, recebeu alta da unidade.

De acordo com o HMI, Débora possui uma cardiopatia cianogênica grave.

Relembre o caso

Vindas de Salvador (BA), as gêmeas nasceram dia 22 de agosto, no HMI, com 36 semanas e eram unidas pelo tórax e abdômen, compartilhando apenas o fígado. Devido ao quadro de Débora, a equipe multiprofissional do HMI optou por realizar, de forma emergencial, a cirurgia de separação, no dia 23 de agosto.

Elas estavam  acompanhadas, o tempo todo, pela mãe Viviane de Menezes dos Santos, de 30 anos. Este foi o 18º procedimento de separação realizado na unidade.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.