Gedeon Pitaluga é eleito o novo presidente da OAB-TO

Ele recebeu 36,58% dos votos

Gedeon Pitaluga | Foto: Reprodução

Após apuração dos 3.537 votos eletrônicos dentre os 4.773 advogados e advogadas habilitadas a votar, a classe decidiu que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-TO) será presidida por Gedeon Pitaluga no período de 2019 a 2021.

Ele venceu a eleição da entidade ocorrida nesta quarta-feira (28/11) após obter 1.267 votos (36,58%) contra 1.205 (34,79%) de Célio Henrique, que representava a chapa situacionista; e 992 para Juvenal Klayber (29%). A posse da nova diretoria da Ordem está prevista para o dia 1º de janeiro.

O presidente eleito avaliou ter feito uma campanha “limpa e propositiva”. “Quero agradecer a cada advogado e advogada que confiou em mim e a todos do nosso grupo”, enfatizou o novo presidente. “A partir de agora a competição eleitoral acaba e a gestão estará voltada a todos os advogados e advogadas do Tocantins, independentemente de ideologia ou posicionamento. A OAB será do advogado e para o advogado”, garantiu Gedeon.

Ao ensejo, Pitaluga agradeceu aos adversários na eleição e fez uma avaliação sobre o processo eleitoral: “Foi uma grande disputa. Enfrentamos um combate sem muita estrutura, mas não nos faltou esforço e coragem. Meus amigos Juvenal e Célio foram bons adversários na eleição e têm meu total respeito”, ponderou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.