Gaeco cumpre mandados em operação que investiga irregularidades na compra de testes para Covid-19 no DF

Foram presos ex-subsecretário de Vigilância à Saúde, Eduardo Hage Carmo, e ex-diretor de Aquisições Especiais da Secretaria de Saúde do DF, Emmanuel de Oliveira Carneiro

Foto: Jornal Metrópoles.

Na manhã desta sexta-feira, o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público Federal e Territórios (MPDFT), deflagrou a terceira fase da operação Falso Negativo, que investiga irregularidades na compra de testes para a Covid-19 no DF.

Estão sendo cumpridos mandados de busca e prisões. Foram presos o ex-subsecretário de Vigilância à Saúde, Eduardo Hage Carmo, e o ex-diretor de Aquisições Especiais da Secretaria de Saúde do DF, Emmanuel de Oliveira Carneiro.

Houve a participação da Coordenação Especial de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e aos Crimes Contra a Administração Pública (Cecor) da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.