Após os três dias de votação, Corte deliberou pela suspensão das discussões. Quatros ministros ainda precisam se manifestar

Foto: Agência Senado

Após o Supremo Tribunal Federal (STF) analisar — ao longo de três dias — a constitucionalidade da prisão em segunda instância, o senador eleito por Goiás, Jorge Kajuru (Cidadania), usou as redes sociais para comentar alguns dos votos já registrados. No Twitter, Kajuru escreveu: “Sou justo! O ministro Alexandre Moraes deu uma aula jurídica no voto da prisão de segunda instância! Fux, Fachin e Barroso, eu já esperava por suas posturas éticas! Fux é meu ídolo”.

Vale lembrar que todos os ministros citados pelo parlamentar votaram favoráveis à prisão em segunda instância. Foram contrários à medida os ministros Marco Aurélio Mello, Rosa Weber, Ricardo Lewandowski. Após os três dias de votação, a Corte deliberou pela suspensão das discussões. Outros quatros ministros ainda precisam se manifestar. São eles: Carmén Lúcia, Gilmar Mendes, Celso de Mello e, por fim, o presidente da Corte, Dias Toffoli. As votações serão retomadas nos dias 6 e 7 de novembro.