Funcionário morre após cair do 19º andar do Congresso Nacional

Vítima foi identificada como o advogado Adriano de Rezende Naves, de 42 anos. Polícia investiga caso para saber se foi acidente ou suicídio

Um funcionário do Congresso Federal morreu nesta sexta-feira (17/3) depois de cair do 19º andar do prédio onde funcionam a Câmara e o Senado. Ele foi identificado como o advogado Adriano de Rezende Naves, que tinha 42 anos.

Adriano caiu no espelho d’água em frente ao edifício e morreu na hora, antes que o Corpo de Bombeiros conseguisse chegar ao local. Agora, a Polícia Civil do Distrito Federal investiga se foi um acidente ou suicídio.

O Departamento de Polícia Legislativa (Depol) também vai instaurar inquérito para apurar as circunstâncias da morte. O Jornal Opção entrou em contato com a assessoria de imprensa da Polícia Civil e aguarda novas informações.

*Atualizada em 17/3, às 17h36

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Eduardo Olivera

Não era funcionário