Funcionário fica preso dentro de elevador no Carrefour por 36 horas

Durante o período em que ficou aprisionado, o homem não pôde nem se alimentar e nem tomar água

Um funcionário que não teve o nome divulgado, ficou cerca de 36 horas presos no elevador de cargas de uma loja do Carrefour, na cidade de Santos. O rapaz, de 27 relatou que o equipamento parou de funcionar e o deixou confinado de sábado, até a manhã da última segunda-feira, 27.

O homem já era dado como desaparecido pelos familiares. Desesperada com o sumiço do filho, que completava cerca de 24 horas longe de casa, a mãe pediu ajuda e informava que o rapaz toma remédios controlados. Segundo informações da assessoria de imprensa do mercado, ele ficou preso no local após o término do expediente no sábado.. Chegou a trocar mensagens com a mãe dizendo que não iria dormir em casa naquele dia, mas sem especificar os motivos. Ele optou em não pedir socorro para não preocupar a mãe, mas no dia seguinte, sem conseguir deixar o local e já sem bateria no celular, o contato com a mãe se perdeu, o que a deixou bastante preocupada.

A loja chegou a funcionar no domingo, segundo a assessoria, mas o funcionário não teria pedido socorro com gritos, o que dificultou e retardou o momento para que ele fosse encontrado. Durante o período em que ficou aprisionado, o homem não pôde nem se alimentar e nem tomar água.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.