Francisco Jr manifesta para que atividades religiosas sejam consideradas essenciais em Goiás

Para o deputado, as igrejas que têm um papel importante no auxílio às pessoas durante da pandemia

Diante do último decreto em que determina medidas restritivas das atividades consideradas não essenciais em Goiânia e na região metropolitana, o deputado federal Francisco Júnior (PSD) manifestou para que as autoridades responsáveis possam liberar as atividades religiosas em todas as cidades do estado, incluindo as missas e cultos como essenciais.

Francisco Júnior diz que reconhece a importância de agir com mais rigor nesse momento crítico da pandemia. Mas para ele, as igrejas que têm um papel importante no auxílio às pessoas durante esse período. E, ainda, afirma que nesses locais os protocolos de segurança são cuidadosamente respeitados.

“Dado a importância da atividade religiosa para as pessoas que já estão tão agredidas, sofridas, pressionadas por tantas situações provocadas ou agravadas por essa pandemia, que solicito as autoridades responsáveis que possam liberar as atividades religiosas, na forma das Leis já aprovadas”, afirma o deputado em vídeo divulgado nas suas redes sociais.

São Paulo

Nesta segunda-feira, 01, o governador de São Paulo, João Dória, assinou um decreto em que considera como essenciais atividades religiosas, desde que obedecidas as determinações de saúde de combate ao novo coronavírus. O texto será publicado nesta terça-feira, 02, no Diário Oficial do Estado de São Paulo, que reconhece a essencialidade de todas as igrejas.

Uma resposta para “Francisco Jr manifesta para que atividades religiosas sejam consideradas essenciais em Goiás”

  1. Fabiano Dias Gonçalves disse:

    Pequenas Igrejas GRANDES negócios, é sempre assim, Porém isentos de impostos. Lamentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.