Militares atuarão no Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta (Projeto Em Frente Brasil), em apoio aos estados de Goiás, Pernambuco, do Pará, Espírito Santo e Paraná

Foto: Reprodução.

Foi publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 20, a portaria do Ministério da Justiça e Segurança Pública que autoriza o uso da Força Nacional de Segurança Pública nas ações do Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta (Projeto Em Frente Brasil).

Os militares atuarão nos apoio aos estados de Goiás, Pernambuco, do Pará, Espírito Santo e Paraná. Nas capitais e regiões metropolitanas, com foco nos municípios de Ananindeua (PA), Cariacica (ES), Goiânia (GO), Paulista (PE) e São José dos Pinhais (PR).

A portaria determina ainda que as ações da polícia judiciária e perícia forense serão em caráter episódico e planejado, pelo prazo de 124 dias, que começaram a ser contados no dia 19 de agosto. Caso haja necessidade, o prazo poderá ser prorrogado.