Foragido por tentativa de feminicídio é preso acusado de envenenar bebê de dois meses em Goiânia

Quando foi apresentado na delegacia, o acusado apresentou documento do irmão, na tentativa de não ser descoberto pela polícia

A Delegacia de Proteção À Criança e ao Adolescente (DPCA), de Goiânia cumpriu mandado de prisão contra um acusado de tentar matar a companheira a facadas em Mato Grosso. Segundo o que consta nos autos, Adair Pereira da Silva chegou a ser condenado pela polícia mato-grossense, mas antes de cumpri a pena ele fugiu para Goiás.

A prisão do foragido foi possível após a DPCA iniciar novas investigações contra Adair, dessa vez suspeito de tentativa de homicídio contra uma bebê de apenas dois meses. A avó da criança e companheira de Adair, o acusa de ser o responsável pelo envenenamento da criança.

Segundo a avó da criança apenas os dois sabiam onde se encontrava o frasco da substância tóxica conhecida por “barragem”, um inseticida comum. A criança está internada no Hugol e passa bem. Além da tentativa de feminicídio e outros crimes envolvendo violência doméstica, Adair matou um homem a facadas, também no Estado do Mato Grosso, em janeiro de 2018.

Quando foi apresentado na delegacia, o acusado apresentou documento do irmão, na tentativa de não ser descoberto pela polícia.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.