Flávia Morais descarta candidatura majoritária e garante que vai buscar reeleição

Segundo a pedetista, o que está acontecendo é uma avaliação do PDT Nacional que acredita no potencial eleitoral dela como segunda deputada mais votada

Citada pelo presidenciável Ciro Gomes (PDT) como um possível nome na chapa majoritária do governador Ronaldo Caiado (União Brasil) e lembrada recentemente pela Revista Veja como um possível nome para a vice-governadoria, a líder da Bancada Goiana no Congresso Nacional, deputada Flávia Morais (PDT), descarta as hipóteses e ressalta que, apesar de o PDT estar na base e ser um partido forte, a ambição dela é ser pré-candidata à reeleição pela sigla, e não a uma chapa majoritária. 

Segundo Flávia, o PDT e ela seguem apoiando o governador Ronaldo Caiado e o pré-candidato à vice-governadoria Daniel Vilela (MDB), que é o nome que deve ser escolhido na convenção dos partidos da base do governador. “Seguimos na base do governador”, justifica. A pedetista acredita que as sondagens sobre o nome dela podem refletir uma avaliação do Diretório Nacional do PDT, por causa da sua votação nas eleições de 2018.

A política foi a segunda deputada federal mais votada nas eleições gerais, com 169.774 votos. Por isso ela entende a situação não como uma “mentira” ou “fake news”. “É uma avaliação que o PDT Nacional faz por causa da nossa votação expressiva, mas não tem nada a ver com o que temos de ambição neste pleito”, garante a pedetista.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.