Filme goiano é selecionado para festival no México

Longa do diretor Fabio Meira, “As duas Irenes” também foi escolhido para integrar o Festival de Berlim 2017

“As duas Irenes” é o primeiro longa de Fabio Meira, o diretor do filme | Foto: Reprodução / Facebook

O longa-metragem goiano “As duas Irenes”, do diretor Fabio Meira, foi um dos selecionados para a 32ª edição do Festival Internacional de Cinema de Guadalajara (FICG), no México. O festival, um dos mais antigos e tradicionais da América Latina, acontece entre 10 e 17 de março em Guadalajara.

O FICG contempla com o troféu Mayahuel e premiação em dinheiro para os vencedores em várias categorias, incluindo o Prêmio Maguey, destinado a longas-metragens que abordem temas relacionados à comunidade LGBT.

“As duas Irenes” é, até agora, a única produção brasileira na competição que já conta com 184 filmes de vários países. O filme foi patrocinada pelo Fundo de Cultura do Estado de Goiás.

Este é o primeiro longa de Fabio Meira, o diretor do filme. “As duas Irenes” foi gravado na Cidade de Goiás e conta a história de Irene, uma menina de 13 anos que descobre um segredo do pai, que tem outra família e até uma filha de mesmo nome.

A produção goiana já havia sido selecionada para a edição de 2017 do Festival de Berlim. Na Alemanha, o filme será estreado na Mostra Generation, que tem a temática jovem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.